Fluconazol B. Braun Fluconazol bula do medicamento

Neste folheto:
1. O que é Fluconazol B. Braun e para que é utilizado
2. Antes de utilizar Fluconazol B. Braun
3. Como utilizar Fluconazol B. Braun
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Fluconazol B. Braun
6. Outras informações


FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

Fluconazol B. Braun 2 mg/ml Solução para perfusão
Fluconazol

Leia atentamente este folheto antes de utilizar este medicamento.
Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.
Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento podeser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:

1. O QUE É FLUCONAZOL B. BRAUN E PARA QUE É UTILIZADO

O Fluconazol B. Braun é um medicamento utilizado no tratamento e prevenção de infecções produzidas por fungos.
O Fluconazol B. Braun pertence a um grupo de medicamentos activos contra infecções produzidas por fungos, denominados imidazólicos. Funciona parando o crescimento fúngico. É utilizado no tratamento das seguintes infecções fúngicas:

Em adultos
Tratamento de:
– Infecções causadas por um fungo (Candida) que afectam todo o corpo;
– uma infecção fúngica no cérebro chamada meningite criptocócica;
– infecções fúngicas graves provocadas por Cândida que afectam as mucosas da boca, garganta, esófago e traqueia, quando o tratamento oral não é possível;

Prevenção de:
– infecções fúngicas provocadas por Candida em doentes que tenham sofrido um transplante da medula óssea e que têm em circulação um número reduzido de células que combatem as infecções.

Em crianças e adolescentes
Tratamento de:
– infecções causadas por um fungo (Candida) que afectam todo o corpo;

– infecções fúngicas graves provocadas por Candida que afectam as mucosas da boca, garganta, esófago e traqueia, quando o tratamento oral não é possível.

2. ANTES DE UTILIZAR FLUCONAZOL B. BRAUN

Não utilize Fluconazol B. Braun
– se tem alergia (hipersensibilidade) ao fluconazol ou a outros medicamentos similares,tais como cetoconazol e itraconazol ou a qualquer outro componente de Fluconazol B.
Braun (ver secção 6).

– se estiver a tomar medicamentos conhecidos por alterarem o ritmo cardíaco pois alterama forma como o seu organismo interage com o Flucanazol, tais como:
cisaprida (usado no tratamento da azia e na redução da acidez gástrica),
astemizol (usado no tratamento de alergias),
terfenadina (usado no tratamento da febre do feno e de alergias),
pimozida (também designado como neuroléptico, usado no tratamento de doençasmentais)
quinidina (usado no tratamento de arritmias cardíacas)

Tome especial cuidado com Fluconazol B. Braun
Se acha que qualquer uma das seguintes situações se aplica a si, informe o seu médico ououtro elemento da equipa médica:
– Se tem actualmente ou já teve, problemas de fígado
– Se sofre de SIDA ou de alguma infecção que afecte todo o corpo
– Se tem uma doença cardíaca
– Se estiver a tomar varfarina ou qualquer outro medicamento que afecte a coagulação dosangue
– se tem alguma doença renal.

Ao utilizar Fluconazol B. Braun com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentementeoutros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

O efeito do tratamento com Fluconazol B. Braun pode ser afectado se este foradministrado simultaneamente com determinados medicamentos.
Deverá indicar ao seu médico ou farmacêutico todos os medicamentos que está a tomar,ou que costuma tomar, especialmente os seguintes:

– Alfentanil (um forte analgésico)
Amitriptilina (utilizado para o tratamento da depressão)
Anfotericina B (utilizado no tratamento de infecções fúngicas)
– Astemizol (utilizado no tratamento de alergias)
Benzodiazepinas tais como midazolam ou triazolam (medicamentos indutores do sono)

-Bloqueadores dos canais de cálcio: nifedipina, isradipina, nicardipina, amlodipina,felodipina (utilizados no tratamento de distúrbios do ritmo cardíaco e pressão arterialelevada)
Carbamazepina (utilizado no tratamento da epilepsia)
Celecoxib (utilizado no tratamento de inflamações)
Ciclosporina (utilizado como imunossupressores, no transplante de órgãos)
– Cisapride (utilizado na azia e na acidez gástrica)
Didanosina (utilizado no tratamento da SIDA)
Halofantrina (utilizado no tratamento da malária)
– Inibidores da HMG-CoA Redutase (estatinas): atorvastatina, sinvastatina, fluvastatina
(utilizadas na redução dos níveis de colesterol)
Hidroclorotiazida (utilizado para aumentar o fluxo urinário, um diurético)
Losartan (usado no tratamento da tensão arterial alta)
– Metadona (analgésico, opióide)
– Fenitoína (utilizado para controlar a epilepsia)
Prednisona ou outras terapias com esteróides (medicamentos semelhantes à cortisona,utilizados em inflamações e transplante de órgãos)
Rifampicina ou Rifabutina (utilizado no tratamento da tuberculose e outras infecções)
– Sulfonilureias como a clorpropamida, glibenclamida, glipizida ou tolbutamida
(medicamentos utilizados para controlar a diabetes)
Tacrolímus, sirolímus (utilizados no transplante de órgãos)
– Terfenadina (utilizada no tratamento da febre-dos-fenos e outras alergias)
Teofilina (utilizada para controlar a asma) e medicamentos relacionados com a teofilina
– Trimetrexato (utilizado no tratamento da pneumonia)
Varfarina e outros medicamentos também chamados cumarínicos (anticoagulantes)
Zidovudina (para tratamento da SIDA)

Ao utilizar Fluconazol B. Braun com alimentos e bebidas
Fluconazol B. Braun pode ser utilizado com ou sem ingestão de alimentos.

Se estiver a fazer uma dieta pobre em sal, por favor informe o seu médico, pois o
Fluconazol B. Braun contém sal.

Gravidez e aleitamento
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Gravidez
Antes de iniciar o tratamento deve informar o seu médico se está grávida ou tencionaengravidar. O médico irá decidir se deve ou não tomar fluconazol. As mulheres em idadefértil devem utilizar métodos contraceptivos eficazes durante o tratamento prolongadocom fluconazol.

Aleitamento
Fluconazol passa para o leite materno. Não é recomendável amamentar se estiver areceber tratamento com fluconazol.

Condução de veículos e utilização de máquinas
O Fluconazol B. Braun tem influência desprezível sobre a capacidade de conduzir ouutilizar máquinas. No entanto, ao conduzir veículos ou utilizar máquinas, deve terconsciência de que podem ocorrer ocasionalmente tonturas se estiver a tomar fluconazol
(ver secção 4 deste folheto informativo para mais informações sobre os possíveis efeitossecundários).

Informações importantes sobre alguns componentes de Fluconazol B. Braun
Fluconazol B. Braun contém sal (cloreto de sódio).

Cada ml de solução para perfusão contém 3, 54 mg de sódio por ml.
Um frasco de 50 ml contém 177 mg de sódio.
Um frasco de 100 ml contém 354 mg de sódio.
Um frasco de 200 ml contém 709 mg de sódio.

Esta informação deve ser tida em consideração em doentes com ingestão controlada desódio.
Se estiver com uma dieta pobre em sódio (sal), informe o seu médico ou farmacêuticoantes de lhe ser administrado o Fluconazol B. Braun.

3. COMO TOMAR FLUCONAZOL B. BRAUN

Um médico ou outro profissional de saúde irá administrar-lhe a perfusão através degotejamento (injecção lenta numa veia). A dose será determinada pelo seu médico.

O tratamento irá continuar normalmente até que a infecção desapareça.

AdultOs
– Infecções por fungos (candida) que afectam todo o corpo:
– A dose habitual é de 400-800 mg no primeiro dia, seguido de 200-400 mg uma vez pordia.
– Infecção fúngica do cérebro (meningite criptocócica):
– A dose habitual é 400 mg no primeiro dia, seguido de 200 mg ? 400 mg uma vez pordia.
-A dose diária máxima é de 400mg por dia.
-Dependendo de como reagir, o seu tratamento pode durar de 6 a 8 semanas.
– Infecções por fungos (candida) que afectam as membranas mucosas:
– Para a candidíase orofaríngea a dose normal é de 100 mg por dia durante 7-14 dias.
– Para as candidíases mucocutâneas esofágicas e bronco-pulmonares não invasivas a dosenormal é 100 mg por dia durante 14-30 dias.
– Prevenção de Infecções por fungos (candida) em doentes após transplante de medula
óssea:
– A dose habitual é 400 mg por dia.

IDOSOS
Se não tem problemas renais, ser-lhe-á administrada a dose normal para adultos.

Crianças (4 semanas de idade ou mais)
– Infecções por fungos (candida) que afectam todo o corpo:
A dose habitual é de 6 ? 12 mg/kg por dia.
– Tratamento de Infecções por fungos (candida) que afectam as membranas mucosas:
A dose usual é de 3 mg/kg por dia. Pode ser dada uma dose de 6 mg/kg no primeiro dia.

Crianças (MENOS de 4 semanas de idade)
– Nas duas primeiras semanas de vida dos bebés, pode ser administrada a mesma doseque às crianças mas a dose deve ser administrada a cada 72-horas.

-Para os bebés entre as 3 e 4 semanas de vida, pode ser administrada a mesma dose que
às crianças mas a dose deve ser administrada a cada 48-horas.

DOENTES COM PROBLEMAS RENAIS
– O seu médico irá ajustar a dose com base no seu funcionamento renal.

Se utilizar mais Fluconazol B.Braun do que deveria
É pouco provável que lhe seja administrada uma dose excessiva de Fluconazol B. Braun.
Contudo, se esta situação ocorrer, será cuidadosamente monitorizada pela equipa médica.

Caso esteja preocupado em saber se lhe foi administrada uma dose excessiva ou tenhadúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou outro elementoda equipa médica.

Caso se tenha esquecido de utilizar uma dose de Fluconazol B. Braun
É pouco provável que haja esquecimento na administração da dose, uma vez que o seumédico ou outro profissional de saúde monitorizará cada dose que lhe for administrada.

Se achar que houve falha na administração de uma dose fale com o seu médico ou comoutro elemento da equipa médica.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médicoou com outro elemento da equipa médica.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSÍVEIS

Como todos os medicamentos, Fluconazol B. Braun pode causar efeitos secundários, noentanto estes não se manifestam em todas as pessoas.

Os seguintes efeitos secundários são importantes e exigem uma intervenção imediata,caso se venham a detectar. Deverá parar de tomar Fluconazol e consultar imediatamenteo seu médico se os seguintes sintomas ocorrerem:

Efeitos secundários pouco frequentes, que afectam menos de 1 em 100 doentes:
– Diminuição do número de células em circulação, o que poderá levar a: anemia, aumentoda susceptibilidade a infecções, hematomas ou hemorragias.
– Infecção com sintomas de febre e uma grave deterioração do seu estado geral, ou febrecom infecção local, por exemplo dor de garganta, na faringe (atrás da garganta)problemas na boca e no trato urinário.

Efeitos secundários raros, que afectam menos de 1 em 1.000 doentes:
– Uma reacção alérgica súbita com falta de ar, erupções cutâneas, respiração sibilante equeda brusca da pressão arterial.
– Reacções cutâneas graves, extensas e com formação de bolhas

Efeitos secundários muito raros, que afectam menos de 1 em 10.000 doentes
– Inchaço na face, da língua e da traqueia, que podem causar uma grande dificuldade emrespirar.

Também foram descritos os seguintes efeitos secundários:

Efeitos secundários frequentes que afectam até 1 em 10 pessoas:
– Dor de cabeça
– erupção cutânea
– sentir-se doente
– estar doente (vómitos);
dores de estômago;
diarreia;
– alterações nos valores das análises clínicas ou da função hepática

Efeitos secundários pouco frequentes afectando menos de 1 em 100 pessoas:
– Alterações do paladar, boca seca
– Tonturas
– Convulsões
Indigestão
– Gazes (flatulência)
– Pele e olhos amarelados (icterícia) e valores anómalos das análises ao fígado
Prurido ou erupção cutânea, pequenas borbulhas, exsudado ou bolhas
– Aumento da sudação
Perda de apetite
– Alterações nos valores das análises clínicas ao sangue respeitantes à função hepática
– Alterações do sono
– Alheamento, tremor e tonturas
– Dor muscular

– Sensação de cansaço e de fraqueza
Febre

Efeitos secundários raros afectando menos de 1 em 1 000 pessoas:
– Aumento dos valores da gordura no sangue (colesterol e trigliceridos)
– Diminuição dos níveis de potássio levando à debilidade e a um ritmo cardíaco fraco ouirregular
Problemas hepáticos e toxicidade, incluindo hepatite e falência hepática
– Perda de cabelo (alopécia)

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou outro elemento da equipamédica.

5. COMO CONSERVAR FLUCONAZOL B. BRAUN

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Não utilize Fluconazol B. Braun após o prazo de validade impresso no frasco e naembalagem exterior após ?VAL.?. O prazo de validade corresponde ao último dia do mêsindicado.

Manter os frascos dentro da embalagem exterior para proteger da luz. Não congelar.

Este medicamento deve ser utilizado imediatamente após primeira abertura do recipiente.

Do ponto de vista microbiológico, as diluições devem ser imediatamente utilizadas. Casonão sejam utilizadas no imediato, os tempos de conservação e as condições antes dautilização são da responsabilidade do utilizador e normalmente não devem ultrapassar as
24 horas se conservado entre 2 ? 8ºC, excepto se a diluição tiver ocorrido em condiçõesassépticas controladas e validadas.

Apenas utilize Fluconazol B. Braun se verificar que a solução se encontra límpida e livrede partículas visíveis. Não utilize se o recipiente estiver danificado.

Os frascos são de uso único. Uma vez utilizada a solução, frascos e qualquerremanescente da solução não utilizada devem ser eliminados.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico.
Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita.
Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

6. OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição de Fluconazol B. Braun
A substância activa é o Fluconazol

1 ml de solução contém 2 mg de fluconazol
Um frasco de 50 ml de Fluconazol B. Braun, 2 mg/ml, solução para perfusão contém 100mg de fluconazol
Um frasco de 100 ml Fluconazol B. Braun, 2 mg/ml, solução para perfusão contém 200mg de fluconazol
Um frasco de 200 ml Fluconazol B. Braun, 2 mg/ml, solução para perfusão contém 400mg de fluconazol

Os outros componentes são:
Cloreto de sódio e água para preparações injectáveis

Qual o aspecto de Fluconazol B. Braun e conteúdo da embalagem
O Fluconazol B. Braun é uma solução para perfusão (uma solução para administrardirectamente na circulação sanguínea).

É uma solução estéril límpida incolor dos componentes acima descritos em água.

É dispensada em frascos de polietileno, contendo 50 ml, 100 ml ou 200 ml
Apresentações: Embalagens de 10, 20 ou 50 frascos

É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

Titular da Autorização de Introdução no Mercado:

B. Braun Melsungen AG
Carl-Braun-Straße 1
34212 Melsungen, Alemanha

Endereço Postal:
34209 Melsungen, Alemanha

Tel.: +49-5661-71-0
Fax: +49-5661-71-45 67

Fabricante:

B. Braun Medical S.A.
Carretera de Terrassa, 121
08191 Rubí (Barcelona)

Espanha

Este medicamento encontra-se autorizado nos Estados Membros do Espaço Económico
Europeu (EEE) sob as seguintes denominações:

Áustria, Alemanha e Luxemburgo
Fluconazol B. Braun 2 mg/ml
Infusionslösung
Bélgica, Eslováquia, Finlândia, Grécia,
Fluconazole B. Braun 2 mg/ml
Hungria, Holanda, Polónia, Roménia,
Republica Checa e Suécia.
Dinamarca, Espanha, Noruega e Portugal
Fluconazol B. Braun 2 mg/ml
Irlanda e Reino Unido
Fluconazole 2 mg/ml
Itália
Fluconazolo B. Braun 2 mg/ml
Eslovénia
Flukonazol B. Braun 2 mg/ml

Este folheto foi aprovado pela última vez em

A INFORMAÇÃO QUE SE SEGUE DESTINA-SE APENAS AOS MÉDICOS E AOS
PROFISSIONAIS DE SAÚDE:

Instruções de manuseamento:

Este medicamento destina-se ao uso único. Após o uso, descarte o frasco e qualquerconteúdo remanescente. Não volte a utilizar em perfusão qualquer frasco parcialmenteutilizado.

O medicamento deve ser alvo de uma inspecção visual para detecção de partículas ouqualquer descoloração, antes de ser utilizado. Apenas devem ser utilizadas soluçõesisentas de partículas. Não utilize se o frasco estiver danificado.

Não conecte um frasco a outro. Esta prática pode originar numa embolia gasosa devidoao ar residual poder ser arrastado do contentor primário antes da administração do fluidodo contentor secundário estar concluída.

A solução deve ser administrada mediante o emprego de equipamento estéril e utilizaçãode uma técnica asséptica. O equipamento deve ser conectado com a solução de forma aprevenir a entrada de ar no sistema.

O Fluconazol B. Braun 2 mg/ml deve ser administrado por perfusão intravenosa a umataxa não superior a 10 ml/min.

O Fluconazol B. Braun 2 mg/ml é compatível com as seguintes soluções:a) Glucose 200 mg/ml solução para perfusão (se disponível)b) Soluto de Ringer para perfusãoc) Solução de Hartmann, Lactato de Ringer (se disponível)

d) Solução de cloreto de potássio 20 mEq/l em glucose 50 mg/ml (se disponível)e) Solução para perfusão de Bicarbonato de sódio 84 mg/ml (8,4%) (se disponível)g) Solução para perfusão de Cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9%)h) Sterofundin ISO, solução para perfusão (se disponível)

Normalmente não é necessária a diluição da solução para perfusão de Fluconazol 2mg/mlantes da administração. Se necessário o Fluconazol e as soluções acima mencionadasdevem ser administradas a partir de contentores separados. Os dois contentores devem serconectados utilizando uma conexão em "Y". As duas soluções são assim misturadasnuma única linha de perfusão e a administração desenrola-se desta forma. Este método érecomendado de forma a evitar efeitos como o ?efeito de camada? se as duas soluçõesfossem misturadas num contentor de perfusão durante o período total de administração.