Fluomizin Cloreto de dequalínio bula do medicamento

Neste folheto:
1. O que é Fluomizin e para que é utilizado
2. Antes de utilizar Fluomizin
3. Como utilizar Fluomizin
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Fluomizin
6. Outras informações


FOLHETO INFORMATIVO: Informação para o utilizador

Fluomizin 10 mg comprimidos vaginais
Cloreto de dequalínio

Leia atentamente este folheto antes de utilizar este medicamento.
Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.
Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento pode ser-lhesprejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários nãomencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:

1. O QUE É FLUOMIZIN E PARA QUE É UTILIZADO

Fluomizin é aplicado localmente na vagina e tem um efeito anti-infeccioso e anti-séptico.

Depois de introduzido na vagina, Fluomizin comprimido vaginal dissolve e liberta a substânciaactiva, o cloreto de dequalínio. O cloreto de dequalínio pertence ao grupo das substâncias activasdenominadas compostos de amónio quaternário. Possui um espectro antimicrobiano amplo e éeficaz contra bactérias, fungos (leveduras) e protozoários (Trichomonas vaginalis), que podem sera causa de infecções vaginais.

Fluomizin é utilizado para o tratamento de vaginose bacteriana.
Actua localmente dentro da vagina. Regra geral regista-se um alívio acentuado no que se refere adescarga e inflamação nos 2 – 3 dias seguintes.

2. ANTES DE UTILIZAR FLUOMIZIN

Não utilize Fluomizin
– se tem alergia (hipersensibilidade) à substância activa, cloreto de dequalínio, ou a qualqueroutro componente de Fluomizin (ver secção 6 "Outras informações" no fim deste folheto).
– se tem úlceras vaginais ou no colo do útero.
– se ainda não tiver tido a sua primeira menstruação.

Tome especial cuidado com Fluomizin
Não é recomendado o uso intravaginal de sabões, espermicidas e duches vaginais (lavagensvaginais) durante o tratamento com Fluomizin.

À semelhança do que acontece com todas as infecções vaginais, durante o tratamento com
Fluomizin as relações sexuais não protegidas não são recomendadas.

Fluomizin não prejudica a funcionalidade dos preservativos de látex.

Não confiar em preservativos que não são de látex nem noutros métodos anticonceptivos como osdiafragmas, quando utilizar este medicamento nem nas 12 horas a seguir ao tratamento.

Deve interromper o tratamento durante o período hemorrágico mais forte da menstruação eretomá-lo depois.

Ao utilizar Fluomizin com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outrosmedicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Gravidez e aleitamento

Informe o seu médico ou farmacêutico antes de usar Fluomizin se:

está, ou pensa que pode estar, grávida. se está a amamentar ou se planeia amamentar.

Com base em experiência anterior e dado que Fluomizin actua localmente, não se esperam efeitosnocivos durante a gravidez e/ou no feto e no bebé que está a ser amamentado. Fluomizin pode serusado durante a gravidez e durante o aleitamento se for clinicamente necessário.

Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Não é provável que Fluomizin afecte a sua capacidade para conduzir ou utilizar máquinas.

3. COMO UTILIZAR FLUOMIZIN

Utilizar Fluomizin sempre de acordo com as indicações do médico. Fale com o seu médico oufarmacêutico se tiver dúvidas.

Posologia
A dose habitual é 1 comprimido vaginal por dia durante 6 dias.

Instruções de uso
Introduza o comprimido vaginal profundamente na vagina à noite, ao deitar. A melhor forma de ofazer é na posição deitada de costas com pernas ligeiramente flectidas.

Deve interromper o tratamento durante o período hemorrágico mais forte da menstruação eretomá-lo depois.

Não pare o tratamento antes do período indicado, mesmo que já não sinta desconforto (porexemplo, prurido, descarga, cheiro).Um tratamento inferior a 6 dias pode resultar numa recaída.

Fluomizin contém componentes que não se dissolvem completamente, como tal, sãoocasionalmente detectados vestígios de comprimido na roupa interior. Este facto não é relevantepara a eficácia do tratamento. O comprimido não deixa nódoas na roupa interior mas, por umaquestão de conforto, pode usar um penso higiénico ou um penso diário.

Se tiver a vagina seca, o comprimido vaginal poderá não dissolver e ser descarregado pela vaginaintacto. Consequentemente, o tratamento não é ideal. Numa situação destas, o comprimidovaginal pode ser humedecido com uma gota de água antes de ser introduzido na vagina.

Para evitar reinfecção, mude a sua roupa interior e toalha de banho diariamente e lave-as a umatemperatura de pelo menos 80 °C.

Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver a impressão de que Fluomizin é demasiado forteou demasiado fraco.

Se utilizar mais Fluomizin do que deveria
A utilização de uma dose diária maior ou o aumento da duração recomendada pode aumentar orisco de ulcerações vaginais.

Informe o seu médico se tiver usado acidentalmente demasiados comprimidos vaginais.

Caso se tenha esquecido de utilizar Fluomizin
Não tome uma dose a dobrar para compensar um comprimido que se esqueceu de tomar.

Se parar de utilizar Fluomizin
Um tratamento inferior a 6 dias pode resultar numa recaída. Por conseguinte, não pare otratamento antes do período indicado, mesmo que já não sinta desconforto (por exemplo, prurido,descarga, cheiro).

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização de Fluomizin, fale com o seu médico oufarmacêutico.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSÍVEIS

Como todos os medicamentos, Fluomizin pode causar efeitos secundários, no entanto estes não semanifestam em todas as pessoas. A maioria dos efeitos secundários são ligeiros e de curtaduração.

As infecções vaginais são a causa de queixas como prurido, ardor e descarga que, regra geral,desaparecem durante o tratamento. Contudo, por vezes, estas queixas podem aumentar no iníciodo tratamento. Nestes casos, não é necessário parar o tratamento, mas se as queixas persistirem,consulte o seu médico o mais rapidamente possível.

Frequentes (afecta 1 a 10 utilizadores em cada 100)
Descarga vaginal; prurido vaginal ou ardor vaginal;
Infecção vaginal por leveduras (candidíase),

Pouco frequentes (afecta 1 a 10 utilizadores em cada 1000)

Ulcerações da mucosa vaginal, no caso de lesões do revestimento da vagina anteriores aotratamento;
Hemorragia vaginal; dor vaginal; vermelhidão, secura vaginal
Inflamação da vagina (vaginite) ou da bexiga (cistite);
Dores de cabeça;
Náuseas;
Febre;
Reacção alérgica

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários nãomencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

5. COMO CONSERVAR FLUOMIZIN

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Não utilize Fluomizin após o prazo de validade impresso na embalagem exterior e no "blister". Oprazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

O medicamento não necessita de quaisquer precauções especiais de conservação.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte aoseu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irãoajudar a proteger o ambiente.

6. OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição de Fluomizin
A substância activa é o cloreto de dequalínio.
Cada comprimido vaginal contém 10 mg de cloreto de dequalínio.
Os outros componentes são lactose mono-hidratada, celulose microcristalina (E460a) e estearatode magnésio (E470b).

Qual o aspecto de Fluomizin e conteúdo da embalagem
Fluomizin comprimidos vaginais são brancos ou quase brancos, ovais e biconvexos.
Os comprimidos vaginais são fornecidos em embalagens contendo um "blister" de 6comprimidos.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

Titular da Autorização de Introdução no Mercado

Tecnimede – Sociedade Técnico-Medicinal, S.A.
Rua da Tapada Grande, 2 – Abrunheira
2710-089 Sintra

Fabricante

Haupt Pharma Amareg GmbH, Donaustaufer Strasse 378, 93055 Regensburg, Alemanha

Este medicamento está autorizado nos Estados-Membros do EEE com as seguintes designações:

Estado-Membro
Nome do medicamento
Alemanha Fluomizin
República Checa
Fluomizin
Bélgica
Fluomizin
Itália
Fluomizin

Luxemburgo
Fluomizin
Áustria
Fluomizin
Polónia
Floumizin
Eslováquia
Fluomizin
Espanha Fluomizin

Este folheto foi aprovado pela última vez em