Latanoprost Miophtalogue Latanoprost bula do medicamento

Neste folheto:
1. O que é Latanoprost Miophtalogue e para que é utilizado
2. Antes de utilizar Latanoprost Miophtalogue
3. Como utilizar Latanoprost Miophtalogue
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Latanoprost Miophtalogue
6. Outras informações


FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

Latanoprost Miophtalogue 0,005 mg/ml colírio, solução
Latanoprost

Leia atentamente este folheto antes de utilizar este medicamento.
– Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
– Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento podeser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
– Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:

1. O QUE É Latanoprost Miophtalogue E PARA QUE É UTILIZADO

O Latanoprost Miophtalogue, pertence a um grupo de medicamentos conhecido comoanálogos das prostaglandinas. O Latanoprost Miophtalogue diminui a pressão no interiordo seu olho por aumento da drenagem natural do fluído do interior do seu olho para acorrente sanguínea.

O Latanoprost Miophtalogue é utilizado para tratar:
– um tipo de glaucoma chamado glaucoma de ângulo aberto
– uma situação conhecida como hipertensão ocular.
Ambas as situações estão associadas a um aumento de pressão no interior do seu olho epoderão eventualmente afectar a sua visão.

2. ANTES DE UTILIZAR Latanoprost Miophtalogue

Não utilize Latanoprost Miophtalogue
– se tem alergia (hipersensibilidade) ao latanoprost ou a qualquer outro componente de
Latanoprost Miophtalogue. Estes componentes estão descritos na secção 6. OUTRAS
INFORMAÇÕES, deste folheto;
– se está grávida, ou pensa que poderá estar grávida;
– se está a amamentar.

Tome especial cuidado com Latanoprost Miophtalogue

Deve informar o seu médico e ter especial cuidado com Latanoprost Miophtalogue, se:
– sofre de asma grave, ou a sua situação asmática não está bem controlada;
– se está a utilizar qualquer outro colírio ou a tomar qualquer outro medicamento;
– se fez ou vai fazer uma intervenção cirúrgica ocular;
– se está aplanear engravidar;
– se usa lentes de contacto. Por favor, consulte a secção 3. COMO UTILIZAR
Latanoprost Miophtalogue.

Ao utilizar Latanoprost Miophtalogue com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentementeoutros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Ao utilizar Latanoprost Miophtalogue com alimentos e bebidas
Latanoprost Miophtalogue pode ser utilizado com ou sem alimentos.

Gravidez e aleitamento
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.
O Latanoprost Miophtalogue não deverá ser utilizado durante a gravidez ou aleitamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Tal como com qualquer outro colírio, se a sua visão ficar turva quando aplica as gotas,espere um momento até que este efeito desapareça, antes de conduzir ou trabalhar commáquinas.

Informações importantes sobre alguns componentes de Latanoprost Miophtalogue
O Latanoprost Miophtalogue contém cloreto de benzalcónio, que é frequentementeutilizado como conservante nos medicamentos oftálmicos e que pode causar irritaçãoocular.

3. COMO UTILIZAR Latanoprost Miophtalogue

Utilizar Latanoprost Miophtalogue sempre de acordo com as indicações do médico. Falecom o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

A dose habitual é uma gota de Latanoprost Miophtalogue no(s) olho(s) afectado(s), umavez por dia. A melhor altura para fazer a administração é à noite.
Se tiver de utilizar outro colírio, deverá esperar pelo menos 5 minutos antes de o aplicar.
Esta é a dose usual para adultos, incluindo doentes idosos. Não é recomendada aadministração de Latanoprost Miophtalogue em crianças.

Utilização de Latanoprost Miophtalogue, por pessoas que usam lentes de contacto:
Se usa lentes de contacto, remova-as antes de aplicar Latanoprost Miophtalogue e esperepelo menos 15 minutos antes de as recolocar. Um conservante presente no Latanoprost
Miophtalogue, denominado cloreto de benzalcónio, pode causar irritação ocular e podedescolorar lentes de contacto.

Os passos que se seguem vão ajudá-lo a utilizar correctamente o Latanoprost
Miophtalogue:

1. Lave as mãos e sente-se ou coloque-se numa posição confortável.
2. Rode e retire a tampa.
3. Com o dedo puxe cuidadosamente para baixo a pálpebrainferior do olho afectado.
4. Coloque a extremidade do conta-gotas próximo do seu olho,mas de modo a não lhe tocar.
5. Pressione o frasco suavemente de forma a que apenas umagota entre no seu olho, depois liberte a pálpebra inferior.
6. Com um dedo pressione o canto do olho afectado, junto aonariz. Pressione durante 1 minuto, enquanto mantém o olhofechado.
7. Repita esta operação no outro olho, se o seu médico lhe tiverdito para o fazer.

8. Coloque de novo a tampa no frasco.

Se utilizar mais Latanoprost Miophtalogue do que deveria
Deverá ter cuidado quando pressiona o frasco, de forma a colocar apenas uma gota noolho afectado. Se administrar gotas em excesso poderá sentir uma ligeira irritação noolho.
Se o Latanoprost Miophtalogue for ingerido acidentalmente, deverá contactar o seumédico.
Em caso de sobredosagem ou ingestão acidental, consultar o Centro de Intoxicações (808
250 143), indicando o medicamento e a quantidade ingerida.

Caso se tenha esquecido de utilizar Latanoprost Miophtalogue
Se se esquecer de administrar o medicamento na devida altura, espere até que perfaça otempo para a próxima administração. Não aplique uma gota extra no seu olho, com oobjectivo de substituir a que tenha esquecido.

Se parar de utilizar Latanoprost Miophtalogue
Deve utilizar o Latanoprost Miophtalogue até que o seu médico lhe diga para parar, casocontrário, a sua visão pode ser afectada.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médicoou farmacêutico.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSÍVEIS

Como todos os medicamentos, Latanoprost Miophtalogue pode causar efeitossecundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas.

Os seguintes efeirtos adversos tâm sido reportados, nas frequências abaixo descritas:
Muito frequentes (afectam mais do que uma, em cada 10 pessoas):
– aumento permanente da pigmentação castanha da íris, predominantemente nos doentescom íris de cor mista (i.e. azul-castanho, cinzento-castanho, amarelo-castanho e verde-
castanho);
– sensação suave a moderada de queimadura, aspereza, comichão, picada, e sensação decorpo estranho no olho (irrritação do olho hiperemia conjuntival);
– alterações das pestanas e dos pêlos das pálpebras (aumento do comprimento, espessura,pigmentação e número).

Frequentes (afectam menos do que uma, em cada 10 pessoas, mas mais do que uma emcada 100 pessoas):
– erosões epiteliais punctiformes transitórias, maioritariamente sem sintomas,eventualmente acompanhadas por uma sensaçãoi de picada;
– inflamação das pálpebras (blefarite);
– dor ocular.

Pouco frequentes (afectam menos do que uma, em cada 100 pessoas, mas mais do queuma em cada 1000 pessoas):
– inchaço da pálpebra (edema da pálpebra);
olhos secos;
– sensação de corpo estranhpo no olho, com ou sem dor/picada (queratite);
– visão turva;
– sensação de queimadura e picada e olhos lacrimejantes (conjuntivite);
– erupção da pele.

Raros (afectam menos do que uma, em cada 1000 pessoas, mas mais do que uma em cada
10000 pessoas):
– vermelhidão do olho;
– sensibilidade à luz;
– visão turva;
– diminuição da capacidade de ver (edema macular);
– sensação de inchaço e picada no olho (edema sintomático e erosões da córnea);
– inchaço das pálpebras;
– pestanas com crescimento mal direccionado ou excessivo, que podem provocar porvezes irritação ocular;
asma, exacerbação da asma e dificuldade em respirar (dispneia);
– reacções cutâneas localizadas nas pálpebras; escurecimento da pele da pálpebra.

Muito raros (afectam menos do que uma, em cada 10000 pessoas):
– agravamento da angina em doentes com a doença pré-existente, com sintomas comosensação de falta de ar, ruído ao respirar e sensaçãode aperto no peito;
dor no peito.

Os seguintes efeitos foram iguamente reportados, embora muito raramente: dores decabeça, tonturas, palpitações (quando sente os batimentos do seu coração ou quando oseu coração bate irregularmente).
Por vezes as pestanas podem parecer mais espessas e longas e crescer na direcção errada.
Fale com o seu médico se estas pestanas lhe causarem irritação dos olhos. As suaspestanas podem voltar ao normal, quando interromper o tratamento.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

5. COMO CONSERVAR Latanoprost Miophtalogue

Conservar no frigorífico (2ºC-8ºC).
Manter o frasco dentro da embalagem exterior para proteger da luz.

Após primeira abertura do frasco: Não conservar acima de 25ºC e utilizar nas quatrosemanas seguintes.

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Não utilize Latanoprost Miophtalogue após o prazo de validade impresso na embalagem.
O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico.
Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita.
Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

6. OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição de Latanoprost Miophtalogue
– A substância activa é o latanaprost.
– Os outros componentes são: cloreto de sódio, cloreto de benzalcónio,dihidrogenofosfato de sódio monohidratado, fosfato dissódico anidro, água purificada.

Qual o aspecto de Latanoprost Miophtalogue e conteúdo da embalagem
Latanoprost Miophtalogue é uma solução estéril límpido e incolor, para aplicação ocular.
Cada frasco contém 2,5 ml de solução.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

Titular da Autorização de Introdução no Mercado

Pharmakern Portugal ? Produtos Farmacêuticos, Sociedade Unipessoal, Lda.
Edifício Atlas II, Av. José Gomes Ferreira, N.º 11, 3º, SL 31. Miraflores
1495-139 Algés
Portugal

Fabricante

Montefarmaco S.p.A.
Via G. Galilei 7, 20016 Pero (Milano)
Italy

Este folheto foi aprovado pela última vez em