Losartan Teva Losartan bula do medicamento

Neste folheto:
1.O que é Losartan Teva e para que é utilizado
2.Antes de tomar Losartan Teva
3.Como tomarLosartan Teva
4.Efeitos secundários possíveis
5.Como conservar Losartan Teva
6.Outras informações


FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

Losartan Teva 50 mg Comprimidos revestidos por película
Losartan Teva 100 mg Comprimidos revestidos por película

Losartan de potássio

Leia atentamente este folheto antes de tomar utilizar este medicamento.
Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.
Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento podeser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:

1.O QUE É LOSARTAN TEVA E PARA QUE É UTILIZADO

O losartan pertence a um grupo de fármacos conhecidos como antagonista dos receptoresda angiotensina II. A angiotensina II é uma substância produzida pelo organismo, que seliga aos receptores nos vasos sanguíneos tornando-os mais apertados. O que resulta numaumento da pressão arterial. O losartan previne a ligação da angiotensina II a estesreceptores, provocando um relaxamento dos vasos sanguíneos o que diminui a pressãoarterial. O losartan retarda a diminuição da função renal em doentes com pressão arterialelevada e em doentes com a diabetes tipo 2.
O Losartan Teva é utilizado:
– No tratamento de doentes com pressão arterial elevada (hipertensão)
– Para diminuir o risco de AVC em doentes com pressão arterial elevada e espessamentoda câmara esquerda do coração (hipertrofia ventricular esquerda)
– Para proteger os rins em doentes hipertensivos com diabetes tipo 2 cuja urina contémuma quantidade de proteína anormal.

2.ANTES DE TOMAR LOSARTAN TEVA

Não tome Losartan Teva
– Se sofre de alergia (hipersensibilidade) conhecida ao losartan ou a qualquer um dosoutros componentes de Losartan Teva;

– Se tem insuficiência grave da função hepática
– Se está grávida ou a amamentar (ver também secção 2 ?Gravidez e aleitamento?).

Tome especial cuidado com Losartan Teva
É importante que informe o seu médico antes de tomar Losartan Teva:
– Se tem historia de angioedema (inchaço da face, lábios, garganta, e/ou língua) (vertambém secção 4 ?Possíveis efeitos secundários?).
– Se sofre de vómitos excessivos ou diarreia.
– Se está a tomar diuréticos (medicamentos que aumentam a quantidade de água quepassa pelos seus rins) ou se está em dieta restrita de sal (ver secção 3 ?Doses em gruposespeciais de doentes?).
– Se tem conhecimento que tenha estreitamento ou bloqueio dos vasos sanguíneos dosrins ou se foi recentemente transplantado aos rins.
– Se tem insuficiência da função hepática (ver secção 2 ?Não tome Losartan? e secção 3
?Doses em grupos especiais de doentes?).
– Se tem problemas com as válvulas cardíacas ou com o musculo cardíaco.
– Se sofre de doença coronária ou de doença vascular cerebral.
– Se sofre de hiperaldosteronismo primário (sindroma associado com o aumento desecreção da hormona aldosterona).

Tomar Losartan Teva com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar, ou tiver tomado recentementeoutros medicamentos, incluindo medicamentos adquiridos sem receita médica,medicamentos à base de plantas ou produtos naturais.
Tome especial cuidado se está a tomar os seguintes medicamentos enquanto esta emtratamento com Losartan Teva:
Outros medicamentos que reduzem a pressão arterial, os quais podem adicionalmentereduzir a sua pressão arterial.
– Medicamentos que retenham potássio ou que aumentem os níveis de potássio (por ex.suplementos de potássio, substitutos de sal que contenham potássio ou medicamentospoupadores de potássio, tais como certos diuréticos (amiloride, triamtereno,espironolactona) ou heparina)).
– Medicamentos anti-inflamatórios não esteróides tais como indometacina, incluindoinibidores da cox-2 (medicamentos que reduzem a inflamação, e que podem serutilizados no alívio das dores) visto que podem reduzir a pressão arterial diminuindo oefeito do losartan. Se tem insuficiência renal, o uso concomitante destes medicamentospode levar a um agravamento da função renal.
– Medicamentos contendo lítio não devem ser tomados em combinação com o losartansem supervisão rigorosa do seu médico. Podem ser apropriadas medidas especiais deprecaução (por exemplo análises ao sangue).

Tomar Losartan Teva com alimentos e bebidas
Losartan Teva pode ser tomado com ou sem alimentos.

Gravidez e aleitamento

Não deve tomar Losartan Teva se está grávida. Se ficar grávida enquanto estiver emtratamento com Losartan Teva, informe o seu médico imediatamente, visto que o losartanpode prejudicar o feto especialmente no segundo e terceiro trimestre de gravidez. A trocapara um tratamento alternativo adequado deve ser efectuado antes de uma gravidezplaneada.
Se está a amamentar, não deve tomar Losartan Teva.
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Não foram efectuados quaisquer testes na capacidade de condução de veículos eutilização de máquinas.
É pouco provável que o losartan afecte a sua capacidade de condução ou utilização demáquinas. Contudo, tal como outros medicamentos utilizados no tratamento da pressãoarterial, losartan pode provocar tonturas ou sonolência em algumas pessoas. Se tevetonturas ou sonolência deve contactar o seu médico antes de realizar tais actividades.

Informações importantes sobre alguns componentes de Losartan Teva
Este medicamento contem lactose. Se lhe foi dito pelo seu médico que tem intolerância aalguns açúcares, contacte o seu médico antes de tomar este medicamento.

3.COMO TOMAR LOSARTAN TEVA

Deve tomar Losartan Teva sempre de acordo com as instruções do médico. Fale com oseu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.
Doentes com pressão arterial elevada
A dose inicial habitual é de 50 mg de losartan uma vez por dia (um comprimido de
Losartan 50 mg). A diminuição máxima da pressão arterial deve ser alcançada 3 a 6semanas após ter iniciado o tratamento. Em alguns doentes a dose pode serposteriormente aumentada para 50 mg de losartan duas vezes por dia (um comprimido delosartan 50 mg de manhã e outro à noite) ou 100 mg de losartan (dois comprimidos delosartan 50mg ou um comprimido de 100 mg) uma vez ao dia (de manhã).
Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver a impressão de que o efeito de Losartan
Teva é demasiado forte ou demasiado fraco.

Pressão arterial elevada e espessamento da câmara esquerda do coração (hipertrofiaventricular esquerda)
A dose inicial habitual é de 50 mg por dia (um comprimido de 50 mg). Dependendo daefectividade do losartan, pode ser adicionada uma dose baixa de hidroclorotiazida e/ouaumentada a dose de losartan potássico para 100 mg por dia (um comprimido de 100 mg)

Doentes com pressão arterial elevada e diabetes tipo 2
A dose inicial habitual é de 50mg, uma vez por dia (um comprimido de 50mg). A dosepode ser mais tarde aumentada para 100 mg de losartan (dois comprimidos de 50 mg ouum comprimido de 100 mg) uma vez por dia dependente da resposta da pressão arterial.

Doses em grupos especiais de doentes
O seu médico pode prescrever uma dose mais baixa, especialmente quando inicia umtratamento em certos doentes, tais como os que estão em tratamento com diuréticos emdoses elevadas, em doentes com insuficiência hepática, ou em doentes com idadesuperior a 75 anos. A administração de losartan não é recomendada em doentes cominsuficiência hepática grave (ver secção ?Não tome losartan?).
Crianças e adolescentes
Losartan Teva não deve ser administrado a crianças e adolescentes.
Administração
Os comprimidos devem ser engolidos com um copo de água. Deve tentar tomar a suadose diária sempre à mesma hora do dia. É importante que continue a tomar Losartan
Teva até informação contrária do seu médico.

Se tomar mais Losartan Teva do que deveria
No caso de tomar acidentalmente muitos comprimidos, ou alguma criança tenha engolidoalguns comprimidos, deve contactar o seu médico imediatamente. Os sintomas desobredosagem incluem descida da pressão arterial e aumento do ritmo cardíaco, possívelredução do ritmo cardíaco.

Caso se tenha esquecido de tomar Losartan Teva
Caso se tenha esquecido de tomar a dose diária, tome apenas a próxima dose comonormalmente. Não tome uma dose a dobrar para compensar um comprimido que seesqueceu de tomar,
Se tem mais alguma questão na administração de Losartan Teva pergunte ao seu médicoou farmacêutico.

4.EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSIVEIS

Como todos os medicamentos, Losartan Teva pode causar efeitos secundários, no entantoestes não se manifestam em todas as pessoas.
Os seguintes efeitos secundários foram relatados em:
Frequentes (afectam menos do que 1 pessoa em 10 mas mais do que 1 pessoa em 100):
-Tonturas
– Sensação anormal de movimento (vertigem)
Pressão arterial baixa,
– Debilidade, fadiga
– Pouco açúcar no sangue (hipoglicemia), muito potássio no sangue (hipercalemia)
Pouco frequentes (afectam menos do que 1 pessoa em 100 mas mais do que 1 pessoa em
1000):
– Sonolência, dor de cabeça, perturbações do sono
– Sensação de aumento do ritmo cardíaco (palpitações), dor no peito grave (anginapectoris)
Pressão arterial baixa (especialmente após perda excessiva de água corporal porexemplo. em doentes em tratamento com doses elevadas de diuréticos), efeitos

ortostáticos relacionados com a dose tais como diminuição da pressão arterial quando selevanta da posição de sentado ou deitado
Respiração curta
– Dor abdominal, prisão de ventre, diarreia, náusea, vómitos, alteração do paladar
– Erupção da pele (urticária), comichão (prurido), rosácea
– Inchaço localizado (edema)
Raros (afectam menos do que 1 pessoa em 1000 mas mais do que 1 pessoa em 10000):
– Redução do número de glóbulos vermelhos (anemia)
– Reacções alérgicas graves (reacções anafiláticas), inchaço da face, dos lábios, gargantae/ou da língua (angioedema) incluindo erupção da pele, dificuldade em engolir e respirar
(em certos doentes quando administrado com outros medicamentos incluindo inibidoresda ECA), inflamação dos vasos sanguíneos (vasculite incluindo púrpura Henoch-
Schonlein).
Caso tenha sentido qualquer destes efeitos deve interromper o tratamento com Losartan
Teva e contactar o seu médico imediatamente
– Sensação de dormência ou falta de sensação (parestesias)
– Desmaio, batimento cardíaco muito rápido e irregular (fibrilhação arterial), acidentecerebral vascular
– Inflamação do fígado (hepatite)
– Aumento dos níveis das enzimas no sangue, normalmente são resolvidos apósdescontinuação do tratamento
Muito Raros (afectam menos do que 1 pessoa em 10000):
– Nódoas negras ou hemorragias
Não conhecidos (não podem ser estimados a partir dos dados disponíveis):
Enxaqueca
– Desmaio (síncope)
Tosse
– Função hepática anormal
Dores musculares e articulares
– Alterações da função renal incluindo insuficiência renal
– Sintomas semelhantes aos da gripe
– Aumento da ureia, creatinina e potássio séricos em doentes com insuficiência cardíaca
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

5.COMO CONSERVAR LOSARTAN TEVA

Manter fora do alcance e da vista das crianças.
Não utilize Losartan Teva após o prazo de validade impresso no embalagem exterior. Oprazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.
Este medicamento não necessita de condições especiais de conservação.
Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico.
Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita.
Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

6.OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição de Losartan Teva
– Cada comprimido revestido por película contem 50 ou 100 mg da substância activa,losartan potássico.
– Os outros componentes são:
Núcleo do comprimido: lactose monohidratada, celulose microcristalina (E460a), amidopré-gelatinizado, estearato de magnésio (E572)
Revestimento: álcool polivinílico (parcialmente hidrolizado), dióxido de titânio (E171),macrogol e talco

Qual o aspecto de Losartan Teva e conteúdo da embalagem
Losartan Teva 50 mg: comprimido branco, oval, revestido por película ligeiramenteconvexo, marcado com ?50? de um lado e com uma ranhura do outro lado.
Losartan Teva 100 mg: comprimido branco, oval, revestido por película ligeiramenteconvexo, marcado com ?100? de um lado e com uma ranhura do outro lado.
Os comprimidos são embalados em blisteres opacos de PVC/PVdC/Al ou em blisteresbrancos opacos de PVC/PE/PVdC/Al ou em blisteres de OPA/Alu/PVC/Al
Tamanho das embalagens:
Losartan Teva 50 mg: 1, 14, 20, 28, 30, 56, 60, 90, 98 e 100 comprimidos revestidos porpelícula. Embalagens hospitalares de 50 (50 x 1) & 280 (10 x 28 tablets) comprimidosrevestidos por película
Losartan Teva 100 mg: 1, 14, 20, 28, 30, 56, 60, 90, 98 e 100 comprimidos revestidos porpelícula. Embalagens hospitalares de 50 (50 x 1) & 280 (10 x 28 tablets) comprimidosrevestidos por película
Nem todas as apresentações poderão serão comercializadas.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado
Teva Pharma ? Produtos Farmacêuticos, Lda.
Lagoas Park, Edifício 1, Piso 3
2740 ? 264 Porto Salvo
Portugal

Fabricante
TEVA UK Ltd, Reino unido
Pharmachemie B.V., Holanda
Teva Santé, França
TEVA Pharmaceutical Works Private Limited Company, Hungria
IVAX Pharmaceuticals, s.r.o., República Checa

Este folheto foi aprovado pela última vez em