Prisma bula do medicamento

Neste folheto:
1. O que é Prisma e para que é utilizado
2. Antes de tomar Prisma
3. Como tomar Prisma
4. Efeitos secundários Prisma
5. Como conservar Prisma
6. Outras informações

PRISMA

24 mg Cápsulas

Mesoglicano sódico

Leia atentamente este folheto antes de tomar o medicamento. Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento pode ser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

1. O QUE É PRISMA E PARA QUE É UTILIZADO

PRISMA está indicado na doença venosa crónica dos membros inferiores.

Propriedades farmacológicas:

Devido, principalmente, à presença de sulfato de heparano e de sulfato de dermatano, constituintes fundamentais da parede vascular dos seres humanos, PRISMA actua a nível endotelial e subendotelial com diversos efeitos farmacológicos:

Acção antiaterogénica, inibindo a proliferação das células musculares lisas para a camada intima, estimulando a enzima lipase das lipoproteínas e inibindo a adesão plaquetária;

Acção antitrombótica, ao activar a antitrombina III e cofactor heparínico II; Acção fibrinolítica, estimulando o efeito fisiológico do activador tecidual do plasminogénio; Restabelece as propriedades de “barreira selectiva” do endotélio vascular; Observa-se ainda uma eficaz actividade anti-edematosa ao nível do sistema venoso.

2. ANTES DE TOMAR PRISMA

Não tome Prisma:

Se tem alergia (hipersensibilidade) ao Mesoglicano sódico ou a qualquer outro componente de Prisma.

Se tem diátese hemorrágica.

Tome especial cuidado com Prisma

A utilização do medicamento não implica precauções particulares.

Tomar Prisma com outros medicamentos

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

São desconhecidas interacções com outros fármacos.

Gravidez e aleitamento

Os estudos de toxicidade em animais não revelaram riscos para o feto.

O mesoglicano tem sido utilizado no campo obstétrico (flebostase da gravidez), com ausência total de fenómenos tóxicos na grávida, no feto ou no recém-nascido.

Não se trata, no entanto, de uma utilização em vasta escala, pelo que nas situações referidas o uso do Mesoglicano deve ser reservado aos casos de efectiva necessidade e em que os benefícios previsíveis e os eventuais riscos devem ser ponderados, devendo ser empregue sob vigilância médica.

Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Efeitos em crianças e idosos

Não foram realizados estudos estatisticamente significativos em crianças, dado o tipo de patologias para que PRISMA está indicado ser muito raro neste grupo etário.

Não há necessidade de adaptação posológica nos idosos.

Condução de veículos e utilização de máquinas

Não foi observado qualquer efeito que diminua estas capacidades.

Informações importantes sobre alguns componentes de Prisma As cápsulas contêm lactose.

Se foi informado pelo seu médico que tem intolerância a alguns açúcares, contacte-o antes de tomar este medicamento.

3. COMO TOMAR PRISMA

Tomar Prisma sempre de acordo com as indicações do médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

Cápsulas: Uma a duas cápsulas, duas vezes ao dia, durante três a doze semanas, consoante a gravidade da patologia.

O tratamento poderá ser prolongado e/ou a dose elevada, caso o médico considere necessário.

Se tomar mais Prisma do que deveria

Não foram observados sintomas relacionados com situações de sobredosagem.

Caso se tenha esquecido de tomar Prisma

O medicamento deverá continuar a ser administrado como previsto. Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS PRISMA

Como os demais medicamentos, Prisma pode causar efeitos secundários em algumas pessoas.

Foram assinaladas, esporadicamente, alterações dispépticas, que desapareceram com a redução da dose ou com a administração do medicamento após as refeições. Foram raros os casos em que foi necessária a interrupção do tratamento.

Nos casos de hipersensibilidade, nomeadamente com eritema cutâneo, recomenda-se interromper o tratamento e instituir a terapêutica adequada.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

5. COMO CONSERVAR PRISMA

Manter fora do alcance e da vista das crianças. Conservar a temperatura inferior a 25°C.

Não utilize Prisma após o prazo de validade impresso na embalagem. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

6. OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição de Prisma

- A substância activa é o mesoglicano sódico. Cada cápsula contém 24 mg de mesoglicano sódico.

- Os outros componentes são:

Conteúdo: lactose, talco, estearato de magnésio.

Invólucro da cápsula: gelatina, água purificada, dióxido de titânio (E171) e eritrosina (E124).

Qual o aspecto de Prisma e conteúdo da embalagem Embalagens de 20 e 60 cápsulas para administração oral.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado

LABORATÓRIO MEDINFAR -PRODUTOS FARMACÊUTICOS, S.A. Rua Manuel Ribeiro de Pavia, 1 – l°,

Venda Nova – 2700-547 AMADORA

Este folheto foi aprovado pela última vez em 08-08-2006.

Sob licença de:

MEDIOLANUM Farmaceutici, SpA

Milão – ITÁLIA