Deflazacorte AMPDR Deflazacorte bula do medicamento

Neste folheto:
1. O que é Deflazacorte AMPDR e para que é utilizado
2. Antes de tomar Deflazacorte AMPDR
3. Como tomar Deflazacorte AMPDR
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Deflazacorte AMPDR
6. Outras informações


FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

Deflazacorte AMPDR 6 mg Comprimidos
Deflazacorte AMPDR 30 mg Comprimidos
Deflazacorte

Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento.
– Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
– Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento podeser-lhes prejudicial, mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
– Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:

1. O QUE É DEFLAZACORTE AMPDR E PARA QUE É UTILIZADO

O deflazacorte é um glicocorticóide (Classificação Farmacoterapêutica: 8.2.2
Glucocorticóides).
As suas propriedades anti-inflamatórias e imunosupressoras são utilizadas no tratamentode:
– Insuficiência cortico-suprarrenal primária ou secundária
Doenças reumáticas
– Colagenoses
– Doenças pulmonares
Alergias
Doenças hematológicas
– Doenças neoplásicas
– Doenças dermatológicas
– Doenças renais
– Doenças gastrointestinais
– Doenças oftalmológicas
– Alterações do sistema nervoso periférico

2. ANTES DE TOMAR DEFLAZACORTE AMPDR

Não tome Deflazacorte AMPDR

– se tem alergia (hipersensibilidade) ao deflazacorte ou qualquer outro componente de
Deflazacorte AMPDR.
– se está a receber imunização com vírus vivo.

Tome especial cuidado com Deflazacorte AMPDR
Informe o seu médico se possui alguma das seguintes situações clínicas:
Doença cardíaca, com insuficiência cardíaca sugestiva (excepto na presença de carditereumática aguda), hipertensão, distúrbios tromboembólicos. Os glicocorticóides podemcausar retenção de sódio e de água, e excreção aumentada de potássio. Pode ser precisorestringir o sal na dieta e dar suplemento de potássio.
– Gastrite ou esofagite, diverticulite, colite ulcerosa se houver risco de perfuraçãoiminente, abcesso ou infecção piogénica, anastomose intestinal recente, úlcera pépticaactiva ou latente.
Diabetes mellitus, osteoporose, miastenia grave, insuficiência renal.
– Instabilidade emocional ou tendência psicótica; epilepsia.
– Hipotiroidismo e cirrose hepática (podem aumentar os efeitos dos glicocorticóides).
Herpes simples ocular (risco de perfuração da córnea).
– Tratamento de longo curso em crianças (pode retardar o crescimento e odesenvolvimento).
– Doentes com infecções em curso (virais, bacterianas ou micóticas).

Ao tomar Deflazacorte AMPDR com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentementeoutros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Embora os estudos clínicos com deflazacorte não tenham permitido encontrar interacçõesmedicamentosas, informe o seu médico se estiver a tomar os seguintes grupos defármacos: antiepilépticos (fenobarbital, fenitoína), certos antibióticos (rifampicina,eritromicina, troleandomicina), anticoagulantes (cumarínicos) ou broncodilatadores
(efedrina), estrogénios ou preparações com estrogénios, salicilatos, diuréticos ouglicosidos cardíacos e relaxantes musculares não despolarizantes.

Gravidez e aleitamento
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.
Informe o seu médico se está grávida ou pensa vir a engravidar, ou em caso de estar aamamentar.
Não se recomenda Deflazacorte durante períodos de gestação e de aleitamento, a não serque o benefício esperado tenha mais peso que o risco potencial.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Não relevante.

Informações importantes sobre alguns componentes de Deflazacorte AMPDR
A Deflazacorte AMPDR contém lactose. Se foi informado pelo seu médico que temintolerância a alguns açúcares, contacte-o antes de tomar este medicamento.

3. COMO TOMAR DEFLAZACORTE AMPDR

Tomar Deflazacorte AMPDR sempre de acordo com as indicações do médico. Fale como seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.
As doses diárias são ajustadas a cada caso individual, em função do diagnóstico, dagravidade da doença, do prognóstico, da duração provável da doença e do tratamento, daresposta terapêutica e da tolerância.

Adultos:
Doença aguda: Até 120 mg/dia, em função da gravidade dos sintomas, durante algunsdias. Dependendo da resposta clínica, a dose deverá ser reduzida gradualmente atéalcançar a dose mínima eficaz.
Doença crónica: A dose de manutenção não ultrapassará habitualmente 18 mg/dia.

Crianças:
Os estudos clínicos indicam que 0,25 a 1,5 mg/Kg/dia de deflazacorte são dosesadequadas para tratar crianças.

Se tomar mais Deflazacorte AMPDR do que deveria
Se tiver acidentalmente tomado mais doses de Deflazacorte AMPDR que o indicadoconsulte o seu médico ou farmacêutico. Em caso de sobredosagem acidental, poderáligar, também, para o Centro de Informação Anti-Venenos, pelo tel: 808 250143, ondeum profissional de saúde o ajudará.

Caso se tenha esquecido de tomar Deflazacorte AMPDR
Se deixou de tomar a sua dose diária de Deflazacorte AMPDR à hora habitual, entãotome-a logo que possível. No entanto, se estiver quase na altura de tomar a próxima dose,ignore a dose esquecida.
Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.

Se parar de tomar Deflazacorte AMPDR
Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médicoou farnacêutico.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSÍVEIS

Como todos os medicamentos, Deflazacorte AMPDR pode causar efeitos secundários, noentanto estes não se manifestam em todas as pessoas.

Os efeitos indesejáveis durante tratamentos com deflazacorte são os característicos dosglicocorticóides. Foram descritos os seguintes efeitos: susceptibilidade aumentada ainfecções, alterações digestivas (dispepsia, úlcera péptica, perfuração de úlcera,hemorragia, e pancreatite aguda, sobretudo em crianças), desequilíbrio hidro-electrolítico
(retenção de sódio com hipertensão, edema e insuficiência cardíaca, depleção de

potássio), efeitos músculo-esqueléticos (atrofia muscular, miopatia aguda que pode serdesencadeada por relaxantes musculares não despolarizantes, astenia, osteoporose,balanço azotado negativo), efeitos cutâneos (diminuição da espessura da pele, estrias,acne) perturbações neuropsiquiátricas (cefaleias, vertigens, euforia, insónia, hipercinesia,hipomania ou depressão, pseudotumor cerebral em crianças), efeitos oftálmicos (cataratassubcapsulares posteriores, sobretudo em crianças, aumento de pressão intraocular), casosraros de reacções alérgicas, efeitos endócrinos (aumento de peso com distribuiçãocushingóide da panícula adiposa e face lunar, hirsutismo, amenorreia, diabetes mellitus,inibição do eixo hipotálamo-hipófise-suprarrenal, atraso do crescimento, e insuficiênciacortico-suprarrenal relativa que pode subsistir 1 ano ou mais após o termo decorticoterapia prolongada).

Uma miopatia aguda pode ser precipitada por relaxantes musculares não despolarizantesem doentes tratados com corticosteróides sistémicos (especialmente durante umaterapêutica com doses elevadas e após tratamento prolongado).

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundáriosnão mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

5. COMO CONSERVAR DEFLAZACORTE AMPDR

Manter fora do alcance e da vista das crianças.
O medicamento não necessita de quaisquer precauções especiais de conservação.

Não utilize Deflazacorte AMPDR após o prazo de validade impresso na embalagemexterior, após val:. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico.
Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita.
Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

6. OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição do Deflazacorte AMPDR

– A sua substância activa é o deflazacorte. Cada comprimido contém 6 mg ou 30 mg dedeflazacorte.
– Os outros ingredientes são lactose mono-hidratada, celulose microcristalina, amido demilho e estearato de magnésio.

Qual o aspecto da Deflazacorte AMPDR e conteúdo da embalagem

O Deflazacorte AMPDR apresenta-se na forma de comprimidos em embalagens contendo
10, 20 ou 60 comprimidos.

É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado

AMPDR ? Consultadoria, Lda
Av. dos Bombeiros Voluntários, nº 146, 1º
2765-201 Estoril
Portugal

Fabricante

LÁCER, S.A
C/ Boters nº 5; Parc Tecnològic del Vallès; 08290
Cerdanyola del Vallès (Barcelona)
Espanha

Este folheto foi aprovado pela última vez em: