Diprosone bula do medicamento

Bulas Relacionadas comercializadas no Brasil Betametasona Creme, Locao e Pomada, Diprosone,

 

Neste folheto:

1.     O que é Diprosone creme e para que é utilizado
2.     Antes de utilizar Diprosone creme
3.     Como utilizar Diprosone creme
4.     Efeitos secundários possíveis
5.     Conservação de Diprosone creme

Diprosone 0,05%

Creme

Dipropionato de betametasona

Leia atentamente este folheto antes de utilizar o medicamento.

Caso tenha dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento pode ser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.

A substância activa é o dipropionato de betametasona.

Os outros ingredientes são clorocresol, ceteth 20, álcool cetoestearílico, vaselina branca, fosfato de sódio, ácido fosfórico parafina líquida e água purificada.

1.   O QUE É DIPROSONE CREME E PARA QUE É UTILIZADO

Diprosone creme apresenta-se numa bisnaga de alumínio de 30 gramas. O creme é branco, macio e com aspecto uniforme.

Cada grama de Diprosone creme contém 0,5 mg de betametasona (sob a forma de dipropionato de betametasona).

O dipropionato de betametasona pertence à família dos corticosteróides, que actuam diminuindo a inflamação (acção anti-inflamatória) e a comichão (acção antipruriginosa). Dentro desta família o dipropionato de betametasona pertence à classe dos corticosteróides potentes, ou seja, tem uma acção anti-inflamatória elevada.

Diprosone creme está indicado no alívio das manifestações de inflamação e comichão associadas a inflamações na pele (dermatoses) que melhoram com corticosteróides.

2.   ANTES DE UTILIZAR DIPROSONE CREME
Não utilize Diprosone creme:

  • se tem hipersensibilidade (alergia) ao dipropionato de betametasona, a outro corticosteróide ou a qualquer outro ingrediente de Diprosone para aplicação nos olhos.
  • Não utilize Diprosone creme em crianças com menos de 12 anos sem indicação médica. Tome especial cuidado com Diprosone creme:
  • se sentir uma sensibilização ou irritação, o tratamento com Diprosone creme deverá ser descontinuado e instituída uma terapêutica apropriada.
  • na presença de uma infecção o seu médico aconselhá-lo-á a aplicar um antifúngico ou um antibacteriano. Se não se sentir melhor imediatamente, o tratamento com o dipropionato de betametasona deve ser interrompido até a infecção estar devidamente controlada;
  • se for previsível um tratamento prolongado, se as áreas a tratar forem muito extensas ou se for utilizada uma técnica oclusiva, devem ser tomadas precauções especiais porque estas condições favorecem a absorção dos corticosteróides para a circulação sanguínea;
  • as crianças podem ser mais susceptíveis à inibição da produção hormonal e a efeitos exógenos induzidos por corticosteróides tópicos, que os adultos, uma vez que apresentam um aumento da absorção, devido a uma maior relação entre a área de superfície corporal e o seu peso.

Gravidez e Aleitamento

Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar qualquer medicamento.

Uma vez que não foi ainda estabelecida a segurança da administração de corticosteróides tópicos durante a gravidez, esta classe de fármacos só deve ser utilizada em mulheres grávidas se claramente necessário, e sempre com indicação médica.

Uma vez que se desconhece se os corticosteróides tópicos podem resultar numa absorção sistémica suficiente para originar quantidades detectáveis no leite materno, deve optar-se por descontinuar o medicamento ou descontinuar o aleitamento, tendo em consideração a importância do medicamento para a mãe.

Utilizar Diprosone creme com outros medicamentos:

Não relevante.

3.   COMO UTILIZAR DIPROSONE CREME

Utilize Diprosone creme sempre de acordo com as instruções do médico. A dose habitual é de uma camada fina de Diprosone creme aplicada de modo a cobrir totalmente a área da pele afectada, 1 a 2 vezes por dia (de manhã e à noite).

Em crianças com menos de 12 anos, deve aplicar apenas uma quantidade reduzida sobre áreas pequenas, 1 a 2 vezes por dia, no máximo durante 1 semana. É importante que consulte o médico antes de iniciar o tratamento em crianças.

Se utilizar mais Diprosone creme do que deveria:

O uso excessivo ou prolongado de corticosteróides pode resultar numa diminuição na produção de certas hormonas (supra-renais) e produzir manifestações de hipercorticismo (excesso de corticosteróides na circulação sanguínea) incluindo a doença de Cushing (“cara em lua cheia”).

O tratamento sintomático é indicado. Os sintomas de hipercorticismo são quase sempre reversíveis. Se necessário, deve-se procurar restabelecer o equilíbrio electrolítico. Em casos de toxicidade crónica recomenda-se a suspensão gradual dos corticosteróides.

Caso se tenha esquecido de utilizar Diprosone creme:

Se já tiver passado algum tempo desde a hora da utilização esquecida, não aplique esta dose e continue o horário regular de tratamento. Não aplique uma dose a dobrar para compensar a dose que se esqueceu de utilizar.

Efeitos da interrupção do tratamento com Diprosone creme:

Quando a doença se encontrar controlada, o seu médico dar-lhe-á indicação para parar o tratamento. No entanto, não pare o tratamento bruscamente sem indicação médica, pois poderá ser necessária uma redução gradual da dose.

4.   EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSÍVEIS

Como os demais medicamentos, Diprosone creme pode ter efeitos secundários.

As reacções adversas frequentes descritas com a utilização de Diprosone creme incluem: ardor, prurido (comichão), irritação, pele seca, foliculite (inflamação de um folículo piloso), hipertricose (desenvolvimento anormal de pelos), erupções acneiformes, hipopigmentação, dermatose perioral (inflamação da pele ao redor da boca), dermatose de contacto alérgica (inflamação da pele por contacto alérgico), maceração cutânea, infecção secundária, atrofia cutânea, estrias e miliária (inflamação aguda das glândulas sudoríparas).

Em crianças em que foram administrados corticosteróides tópicos, foram descritos casos de supressão da produção de certas hormonas, Síndrome de Cushing (“cara em lua cheia”), retardamento de crescimento, ganho de peso tardio e pressão elevada dentro do crânio (hipertensão intracraniana). Manifestações da inibição da produção de certas hormonas (supressão supra-renal) incluem níveis plasmáticos de cortisol reduzidos e ausência de resposta a uma estimulação da ACTH. Manifestações de hipertensão intracraniana incluem fontanela protuberante (“moleirinha” saliente), dores de cabeça e edema (inchaço) papilar bilateral.

Caso detecte efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

5.   CONSERVAÇÃO DE DIPROSONE CREME

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Não conservar acima de 25°C.

Não utilize Diprosone creme após expirar o prazo de validade indicado na embalagem.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado

Schering-Plough Farma, Lda.

Rua Agualva dos Açores, n.° 16

2735-557 Agualva-Cacém

Portugal

Este folheto foi aprovado pela última vez em 02-08-2004.