Endofalk Macrogol + Bicarbonato de sódio + Cloreto de potássio + Cloreto de sódio bula do medicamento

Bulas Relacionadas comercializadas no Brasil Emidrat, Cloreto de Potassio,

 

Neste folheto:
1. O que é Endofalk e para que é utilizado
2. Antes de tomar Endofalk
3. Como tomar Endofalk
4. Efeitos secundários possíveis
5. Conservação de Endofalk
6. Outras informações


FOLHETO INFORMATIVO

Leia atentamente este folheto antes de tomar utilizar o medicamento.
Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.
Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento pode ser-lhesprejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários nãomencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:

Endofalk
Pó para solução oral

As substâncias activas são Cloreto de potássio, Cloreto de sódio, Bicarbonato de sódio, Macrogol
3350.

Cada saqueta contém:
Cloreto de potássio 0,185 g
Cloreto de sódio 1,400 g
Bicarbonato de sódio 0,715 g
Macrogol 3350
52,500 g

1 litro de solução reconstituída contém:
Cloreto de potássio 0,370 g
Cloreto de sódio
2,800 g
Bicarbonato de sódio 1,430 g
Macrogol 3350
105 g

1 litro de solução reconstituída equivale a:
Potássio
5 mmol/l
Sódio 65 mmol/l
Cloreto
53 mmol/l

Bicarbonato 17 mmol/l
Macrogol 3350
31 mmol/l

Os outros componentes são: sacarina sódica, aroma de laranja e de maracujá e sílica coloidalanidra.


1. O QUE É ENDOFALK E PARA QUE É UTILIZADO

Endofalk é um pó branco

de

Dr Falk Pharma GmbH
Leinenweberstrasse 5
D-79108 Freiburg – Alemanha

Endofalk é apresentado em embalagens de 6 saquetas e de 72 saquetas;
Cada embalagem (de 6 saquetas) contém pó para a preparação de 3 litros de solução pronta ausar.

Endofalk é usado para a limpeza dos intestinos antes da colonoscopia.


2. ANTES DE TOMAR ENDOFALK

Não tome Endofalk:

se tem hipersensibilidade às substâncias activas, a outros polietilenoglicois ou a qualquer doscomponentes.

se sofre de oclusão intestinal ou de suspeita de oclusão intestinal, estenose ou perfuraçãointestinal, ou perigo de perfuração intestinal, perturbações no esvaziamento do estômago,inflamação tóxica do intestino grosso (colite tóxica) e dilatação patológica do intestino grosso
(megacólon tóxico).

se sofre de perturbações no reflexo da deglutição ou da abertura da boca, se se encontra emestado de consciência diminuída ou se apresenta tendência para aspiração ou regurgitação.

Tome especial cuidado com a utilização de Endofalk:

se sofre de doença intestinal inflamatória crónica, ou

se tem conhecimento de que sofre de doença de refluxo (esofagite de refluxo) ou de certos tiposde irregularidade na frequência cardíaca (bloqueio sinoatrial, doença do nódulo sinusal),

Nestes casos, deve alertar o seu médico antes de tomar Endofalk.

Endofalk também não deve ser usado em doentes com insuficiência cardíaca ou renal
(insuficiência do miocárdio e perturbações na função renal), ou com doenças hepáticas, ou comdesidratação severa, uma vez que a segurança da utilização nestes grupos de doentes não foiadequadamente demonstrada.

O equilíbrio hidro-electrolítico deverá ser monitorizado, no caso de doentes de risco (ex: idososou doentes debilitados).

Tomar Endofalk com alimentos e bebidas:

Não deve adicionar outras soluções ou aditivos à solução bebível Endofalk (especialmente açúcarou substâncias aromatizantes que são incompatíveis com a solução Endofalk), dado que talpoderá conduzir a uma alteração da osmolaridade ou da composição do electrólito, ou mesmo aodesenvolvimento de misturas gasosas explosivas nos intestinos, quando as substânciasadicionadas são decompostas no intestino grosso pelas bactérias que aí vivem.
Gravidez e aleitamento:

Gravidez

Não há experiência sobre a utilização do medicamento durante a gravidez. A administração de
Endofalk a mulheres grávidas pode ser considerada após cuidadosa avaliação risco/benefício.
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Aleitamento

Endofalk pode ser tomado por mulheres que estão a amamentar.
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Crianças

Não há experiência quanto ao uso de Endofalk em crianças. Portanto, não lhes deve seradministrado o medicamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas

Endofalk não tem qualquer influência, ou tem influência não significativa sobre a capacidade deconduzir e utilizar máquinas.

Tomar Endofalk com outros medicamentos

Se tem de tomar outros medicamentos por via oral pouco tempo antes, ou durante o uso de
Endofalk, estes serão possivelmente excretados pelo intestino durante esta limpeza, ou poderãonão exercer os seus efeitos normais. Todavia, se é indispensável tomar esses medicamentos,informe-se antecipadamente junto do seu médico sobre possíveis alternativas.

Informe o seu médico ou farmacêutico se está a tomar ou se tomou recentemente outrosmedicamentos, mesmo se se tratar de medicamentos que não necessitem de receita médica.


3. COMO TOMAR ENDOFALK

Tomar Endofalk sempre de acordo com as instruções do médico. Caso tenha dúvidas, deveesclarecê-las com o seu médico ou farmacêutico.

Dissolver o conteúdo de 2 saquetas em ½ litro de água da torneira tépida (de preferência numacaneca) ou água fervida fria e, seguidamente, completar a solução até 1 litro, com água. Verificarse a saqueta ficou completamente vazia e que o conteúdo total foi usado na preparação dasolução. A solução é mais agradável de beber se estiver fria.
A solução deve ser bebida em quantidades de 200 a 300 ml (aproximadamente um copo de águacheio) de 10 em 10 minutos, até que o fluido de saída rectal esteja límpido ou até terem sidobebidos 3 ou, no máximo, 4 litros de solução.
Deve tomar a solução de limpeza cerca de 4 horas antes do início do exame. Conforme asinstruções do seu médico, pode tomar a quantidade total necessária na noite da véspera do exame,ou tomar apenas uma parte na véspera e a restante quantidade na manhã do exame. Não deveingerir quaisquer alimentos sólidos desde 2 a 3 horas antes de tomar Endofalk até ao fim doexame.
Endofalk é tomado apenas uma vez para limpeza dos intestinos, antes do exame previsto aosintestinos.
Se tem a impressão de que o efeito do Endofalk é muito forte ou muito fraco, consulte o seumédico ou farmacêutico.

Se tomar mais Endofalk do que deveria:
Em caso de sobredosagem significativa, pode ocorrer uma diarreia severa. Nesse caso, devebeber muitos líquidos e informar o seu médico imediatamente.

Se tomou uma quantidade pequena, ou se se esqueceu de tomar Endofalk:
Se tomou uma quantidade de solução muito menor do que a recomendada, pode acontecer que osintestinos não fiquem perfeitamente limpos e que o exame não possa ser efectuado comoprevisto. Por isso, deve seguir rigorosamente as instruções do seu médico, ou as recomendaçõesconstantes deste folheto, no que respeita à quantidade de solução a tomar.
Efeitos da interrupção do tratamento com Endofalk:
Se interromper a toma de Endofalk ou a parar prematuramente, os intestinos podem também nãoficar adequadamente limpos e há o risco de o exame não poder ser efectuado como previsto.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSÍVEIS

Como todos os medicamentos, Endofalk pode ter efeitos secundários.

Alterações gastrointestinais:
Muito frequentes: (>10%)
Náuseas, sensação de replecção e flatulência.
Frequentes: (>1% – 10%)
Vómitos, cólicas gástricas e irritação do ânus.
Estes efeitos podem ser amplamente imputáveis ao facto de se beberem volumes relativamentegrandes de líquido num curto período de tempo. No caso de desenvolvimento de sintomasgastrointestinais, a administração de Endofalk deve ser temporariamente diminuída ouinterrompida, até ao desaparecimento dos sintomas.

Perturbações gerais:
Pouco frequentes (>0,1% – 1%)
Mal estar geral e insónias

Alterações cardíacas:
Muito raras (<0,01%)
Arritmias cardíacas (batidas irregulares), taquicardia (ritmo cardíaco acelerado) e edemapulmonar (isto é, acumulação de líquido nos pulmões). Portanto, é necessária uma monitorizaçãocuidadosa do equilíbrio hidroelectrolítico em doentes de risco.

Exames complementares de diagnóstico:
Muito raros (<0,01%)
Queda dos níveis séricos de cálcio, potássio e sódio.

Alterações neurológicas:
Muito raras (<0.01%)
Efeitos neurológicos que vão desde desorientação ligeira até crises generalizadas, comoconsequência de uma alteração dos níveis séricos de electrólitos (ver ?Exames complementaresdee diagnóstico?).

Alterações do sistema imunitário
Muito raras (<0,01%)
Erupção cutânea (urticária), aumento da descarga nasal (rinorreia) e inflamação cutânea aguda
(dermatite), provavelmente de origem alérgica.

Se observar quaisquer efeitos secundários que não estejam mencionados neste folheto, deveinformar o seu médico ou farmacêutico

Nota:

Na literatura clínica existem relatos de dois casos em que se desenvolveu uma síndrome de
Mallory-Weiss, em consequência da ocorrência de vómitos, após a administração de soluções delimpeza intestinal contendo polietilenoglicol.

Que contra-medidas devem ser tomadas em caso de aparecimento de efeitos secundários?
No caso de aparecimento de dores abdominais ou outros sintomas gastrointestinais, aadministração de Endofalk deve ser temporariamente diminuída ou interrompida, até aodesaparecimento dos sintomas. Em qualquer caso, deve consultar o seu médico.


5. CONSERVAÇÃO DE ENDOFALK

Pó:Sem precauções especiais de conservação.
Solução reconstituída:A solução preparada pode ser conservada durante um período máximo detrês horas à temperatura ambiente (< 25ºC) ou durante um período máximo de 48 horas nofrigorífico (2ºC ? 8ºC).

Não utilize Endofalk após expirar o prazo de validade indicado na saqueta e na embalagem.

Mantenha o medicamento fora do alcance e da vista das crianças.


6. OUTRAS INFORMAÇÕES

Não aplicável.

Data da revisão deste folheto: