Trimetazidina Labesfal 20 mg Comprimidos Revestidos Trimetazidina bula do medicamento

O que contém este folheto:
1. O que é TRIMETAZIDINA LABESFAL e para que é utilizado
2. O que precisa de saber antes de tomar TRIMETAZIDINA LABESFAL
3. Como tomar TRIMETAZIDINA LABESFAL
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar TRIMETAZIDINA LABESFAL
6. Conteúdo da embalagem e outras informações

FOLHETO INFORMATIVO: Informação para o doente

TRIMETAZIDINA LABESFAL 20 mg Comprimidos revestidos
Trimetazidina

Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento poiscontém informação importante para si.
Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.
Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro.
-Este medicamento foi receitado apenas para si. Não deve dá-lo a outros. O medicamentopode ser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sinais de doença.
Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários nãoindicados neste folheto, fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro.

O que contém este folheto:

1. O QUE É TRIMETAZIDINA LABESFAL E PARA QUE É UTILIZADO

Este medicamento é indicado, em combinação com outros medicamentos, para otratamento da angina de peito (dor no peito causada por doença coronária), em doentesadultos.

2. O QUE PRECISA DE SABER ANTES DE TOMAR TRIMETAZIDINA LABESFAL

Não tome Trimetazidina Labesfal
– se tem alergia (hipersensibilidade) à substância ativa ou a qualquer outro componentedeste medicamento.
– se tem a doença de Parkinson: doença do cérebro que afeta os movimentos (tremores,postura rígida, movimentos lentos e arrastados, caminhar desequilibrado),
– se tem problemas renais graves.

Advertências e precauções
Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar TRIMETAZIDINA LABESFAL

Este medicamento por conter na sua composição glicerol como excipiente, pode serprejudicial em doses elevadas. Pode provocar dor de cabeça, alterações estomacais ediarreia.

Advertências e precauções
Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar Trimetazidina Labesfal, 20mg,comprimidos revestidos.

Este medicamento, especialmente em doentes idosos, pode causar ou agravar sintomascomo tremor, postura rígida, movimentos lentos e arrastados, caminhar desequilibrado, osquais devem ser comunicados ao seu médico que poderá investigar e reavaliar otratamento.

Crianças e adolescentes
Trimetazidina Labesfal, 20mg, comprimidos revestidos não é recomendado em criançascom menos de 18 anos.

Outros medicamentos e TRIMETAZIDINA LABESFAL

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente,ou se vier a tomar outros medicamentos.

Não foi referenciada nenhuma interacção medicamentosa; em particular a trimetazidinapode ser prescrita em associação com a heparina, a calciparina, as antivitaminas K, oshipolipemiantes orais, a aspirina, os beta-bloqueantes, os inibidores de cálcio e com osdigitálicos (a trimetazidina não modifica os níveis plasmáticos de digoxina).
Recomenda-se evitar a associação de trimatazidina com IMAO, apesar de não existirevidência de interação.

Gravidez e amamentação
Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte oseu médico ou farmacêutico antes de tomar este medicamento.

Apesar de não se ter observado nenhuma toxicidade embrionária ou teratogénica nodecurso da experimentação animal, deve-se evitar a administração durante os trêsprimeiros meses de gravidez, salvo indicação médica em contrário.
Na ausência de dados sobre a passagem para o leite materno, não se aconselha oaleitamente durante o período de tratamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Este medicamento pode causar tonturas e sonolência que podem afetar a sua capacidadede conduzir ou utilizar máquinas.

TRIMETAZIDINA LABESFAL contém 54,47 mg de sódio por comprimido. Estainformação deve ser tida em consideração em doentes com ingestão controlada de sódio.

3. COMO TOMAR TRIMETAZIDINA LABESFAL

Tome este medicamento exatamente como indicado pelo seu médico ou farmacêutico.
Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.
A dose recomendada de Trimetazidina Labesfal 20 mg é 1 comprimido três vezes ao diadurante as refeições.

Se tiver problemas renais, ou se tiver mais de 75 anos, o seu médico poderá ajustar a doserecomendada.

Se tomar mais TRIMETAZIDINA LABESFAL do que deveria
Não se observou nenhum caso de intoxicação. A elevada margem terapêutica, tornadifícil a existência de acidentes graves por intoxicação.
Os dados farmacêuticos indicam que a intoxicação poderia manifestar-se por umadiminuição da resistência periférica com hipotensão e falta de ar.

Em caso de sobredosagem, deverá instaurar-se um tratamento sintomático.

Qualquer efeito indesejável detectado que não conste deste folheto informativo deve sercomunicado ao seu médico ou farmacêutico.

Caso se tenha esquecido de tomar TRIMETAZIDINA LABESFAL

Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.

Se parar de tomar TRIMETAZIDINA LABESFAL
Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médicoou farmacêutico.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSÍVEIS

Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários,embora estes não se manifestem em todas as pessoas.

A frequência dos possíveis efeitos secundários listados a seguir foi definida usando aseguinte convenção:
Muito frequentes (afetam mais de 1 utilizador em cada 10)
Frequentes (afetam 1 a 10 utilizadores em cada 100)
Pouco frequentes (afetam 1 a 10 utilizadores em cada 1.000)
Raros (afetam 1 a 10 utilizadores em cada 10.000)
Muito raros (afetam menos de 1 utilizador em cada 10.000)
Desconhecido (a frequência não pode ser calculada a partir dos dados disponíveis).
Frequentes:
Tonturas, dor de cabeça, dor abdominal, diarreia, indigestão, mal-estar, vómitos, erupçãona pele, coceira, urticária e sensação de fraqueza.
Raros:

Batimentos cardíacos rápidos ou irregulares (também chamados de palpitações),batimentos cardíacos a mais, batimentos cardíacos mais rápidos, descida da pressãoarterial quando se está de pé o que pode causar tonturas, vertigem ou desmaio, sensaçãogeneralizada de mal-estar, tonturas, quedas, rubor.
Frequência desconhecida:
Sintomas extrapiramidais (movimentos não habituais, incluindo tremor e agitação dasmãos e dedos, movimentos anormais do corpo, andar arrastado e rigidez dos braços epernas), habitualmente reversíveis após a descontinuação do tratamento.

Alterações do sono (dificuldade em dormir, sonolência), obstipação, erupção cutâneageneralizada grave com bolhas, inchaço da face, lábios, boca, língua ou garganta quepodem causar dificuldade em engolir ou respirar.

Diminuição grave no número de células brancas do sangue o que possibilita oaparecimento de infeções, redução de plaquetas sanguíneas o que aumenta o risco dehemorragia e nódoas negras.

Doença hepática (náuseas, vómitos, perda de apetite, sensação de mal-estar geral, febre,comichão, olhos e pele amarelada, fezes claras, urina escura).

Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários nãoindicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico.

5. COMO CONSERVAR TRIMETAZIDINA LABESFAL

Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.

Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso na embalagem exteriorapós VAL. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Não utilize este medicamento se verificar sinais visíveis de deterioração.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte aoseu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidasajudarão a proteger o ambiente.

Precauções particulares de conservação:

Conservar a temperaturas inferiores a 25º C.

6. CONTEÚDO DA EMBALAGEM E OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição de TRIMETAZIDINA LABESFAL
A substância ativa é a Trimetazidina.

Os outros componentes são:
Excipientes do núcleo:
Celulose microcristalina102;
Amido pré-gelificado;
Manitol;
Povidiona K 30;
Glicerol;
Estearato de magnésio.

Excipientes do revestimento:
Copolímero de metacrilato de butilo;
Talco;
Dióxido de titânio (E171);
Óxido de ferro vermelho (E172);
Macrogol 6000.

Qual o aspeto de TRIMETAZIDINA LABESFAL e conteúdo da embalagem

Trimetazidina Labesfal 20 mg, comprimidos revestidos em embalagens de 20 e 60comprimidos.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

LABESFAL ? Laboratórios Almiro S.A.
Zona Industrial do Lagedo
3465-157 Santiago de Besteiros
Portugal

Este folheto foi revisto pela última vez em